Você já ouviu falar no termo megatendência ou megatrends? “As megatendências ou ‘megatrends’ são forças transformadoras e globais que definem o mundo futuro com seu impacto de longo alcance nos negócios, sociedades, economias, culturas e na vida das pessoas”. Um conceito muito bem explorado pela especialista da 3M Cristiane Ulbrich em sua fala durante o Inside 3D Printing São Paulo para contextualizar o impacto que a impressão 3D terá em praticamente todas as áreas do conhecimento.

“O acesso ao conhecimento, o engajamento, e a certeza de que a gente precisa ser multidisciplinar são as 3 regrinhas básicas que garantem que os jovens empreendam com sucesso daqui para frente”, enfatiza ela, a respeito da sua própria história como pesquisadora em Manufatura Aditiva no Instituto Nacional de Pesquisa em Biofabricação (Biofabris). Doutora em Engenharia Mecânica pela Unicamp, foi a curiosidade que fez a pesquisadora se aprofundar na modelagem 3D, não se limitando à máquina física; curiosidade que, por sinal, é um dos principais combustíveis da atual economia colaborativa (e disruptiva).

Marcelo Fernandes de Oliveira, cientista do CTI Renato Archer no Núcleo de Tecnologias Tridimensionais há 20 anos, também falou ao lado de Cristiane em sua apresentação durante o Inside 3D Printing São Paulo. Ele destacou a importância do InVesalius, um programa para tratamento de imagens 3D bastante utilizado na área médica, desenvolvido no Brasil e hoje presente em 135 países e disponível em 14 idiomas. Marcelo destacou o uso da modelagem 3D com o InVesalius, além claro da própria impressão, em diversos projetos de parcerias com Universidades pelo país e também pelo mundo.

Entre estes, estão o planejamento e guia para implante zigomático/facial, com apoio da UFMG; planejamento e molde para prótese facial, em parceria com a UNIP; próteses de alta complexidade desenvolvidas sob medida para cada paciente, além de parcerias com projetos voluntários, como é o caso do Animal Avengers, para prótese e reabilitação animal. A equipe do CTI é multidisciplinar e formada por especialistas e pesquisadores em diversas áreas do conhecimento, um feliz casamento também entre o meio acadêmico e o setor privado para prover o “estado a arte” em tecnologia e inovação no país.

Assista abaixo o vídeo com a íntegra da palestra no #I3DP:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *