anuncie

Quando, meses atrás, a Audi mostrou que o uso da impressão 3D em metal era o futuro, ao exibir uma réplica totalmente impressa em 3D do modelo de corrida Union Type C Grand Prix de 1936, ninguém poderia imaginar o que viria em seguida. Agora, a empresa lança seus esforços do planeta Terra para o espaço sideral, patrocinando e colaborando com o “Part Time Scientists”, um grupo de cientistas baseados em Berlim, para criar o veículo lunar impresso em 3D “Audi Lunar Quattro”.

audiolunar
O projeto é um dos concorrentes ao prêmio de US$ 30 milhões “Google Lunar XPRIZE”, criado para financiar a ida do robô para a lua. A equipe de projeto usou alumínio e titânio como matéria prima, a partir do método CNC, para facilitar a distribuição da fiação entre os componentes impressos. E, embora os US$ 30 milhões sejam um bom prêmio de consolação, o verdadeiro objetivo do “Part Time Scientists”, de acordo com o CEO, Robert Böhme, é criar um veículo lunar capaz de alcançar o Lunar Roving Vehicle (LRV) que atingiu a superfície da lua mais de 40 anos atrás, enviado pela NASA.

RepRap lunar

Por trás da criação do Lunar Quattro da Audi, a parte mais interessante dessa história é a criação de uma impressora 3D capaz de empregar o próprio solo lunar – composto de uma mistura de alumínio, titânio e magnésio – como matéria-prima de impressão. Cientistas da Audi e da Part Time Scientists esperam usar o rico terreno da lua para imprimir peças para outros dispositivos lunares. 

Abaixo o vídeo de apresentação do projeto, batizado de “Mission to the Moon”:

Questionado sobre o porque de se investir na criação de um robô lunar, o CEO da Part Time Scientists, Robert Böhme, afirmou: “há valor em estar na superfície da Lua. É importante mostrar o que poderia ser feito”. Veja a entrevista com ele:



Fonte: 3D Printing Industry

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário
Por favor informe seu nome